(11) 3082 9786 – Praça N. Sra. do Brasil, s/nº, Jardim América – São Paulo, SP

Maria é o maravilhoso eco de Deus, que responde apenas “Deus” quando a chamamos “Maria”

Maria é o maravilhoso eco de Deus, que responde apenas “Deus” quando a chamamos “Maria”

Por São Luís Maria Grignion de Montfort
12/08/2015

Uma vez que Deus está em toda parte, podemos encontrá-Lo em todos os lugares, até mesmo nos infernos; mas não há lugar algum em que possamos encontrá-Lo mais próximo de nós mesmos, mais adaptado, mais proporcionado à nossa fraqueza do que em Maria, pois que foi para isso que Ele e Ela vieram até nós. Em qualquer outra parte, Ele é o Pão dos fortes e dos Anjos; mas, em Maria, Ele é o Pão dos filhos, dos pequeninos…

Que ninguém venha a imaginar, com alguns falsos iluminados, que Maria, sendo criatura, possa ser obstáculo à união com o Criador; já não é Maria que vive, é Jesus Cristo, apenas, é unicamente Deus que vive nela. A sua transformação em Deus, ultrapassa infinitamente a de São Paulo e a dos outros Santos, mais do que o Céu ultrapassa a terra em altura.

Maria não existe senão para Deus; por isso, longe de prender uma alma para si, Ela projeta esta alma para Deus fazendo com que a alma fique unida a Deus com tanta perfeição que a alma se une mais ainda a ela, Maria. Maria é o eco admirável de Deus. Quando lhe bradamos: “Maria!” Ela só responde: “Deus!”. Maria, aquela que só glorifica a Deus, quando, com Santa Isabel, nós a chamamos “bem-aventurada”.

Se os falsos iluminados, que foram miseravelmente enganados pelo demônio, até na oração, tivessem sabido encontrar Maria e por Maria, a Jesus e, por Jesus, encontrado a Deus, eles não teriam sofrido quedas tão terríveis. Quando tivermos encontrado Maria e, por Maria, a Jesus, e por Jesus, a Deus Pai, teremos encontrado todo o bem. (…)