(11) 3082 9786 – Praça N. Sra. do Brasil, s/nº, Jardim América – São Paulo, SP

Notícias da paróquia › 26/11/2012

A família em pauta

O site Casa de Família é uma extensão da Pastoral da Família da Paróquia Nossa Senhora do Brasil. “O site teve origem em duas frentes. A inspiração veio pelo nascimento da minha filha, Carolina, que me trouxe a vontade de falar sobre a alegria de ter uma família. O conteúdo está relacionado ao trabalho da Pastoral da Família, pois sempre tivemos a vontade de transpor para a internet os conteúdos de formação que passávamos nas nossas reuniões semanais, buscando uma maior abrangência”, afirma Marco Ruiz, coordenador e colunista do site Casa de Família e membro da Pastoral da Família da referida paróquia.

O nome do site tem sua origem em uma expressão muito usada no interior de SP. Casa de família se refere a uma casa de respeito e de valores preservados. Atualmente, a equipe do Casa de Família é composta por cinco colunistas, pertencentes à Pastoral da Família, e também conta com o apoio de colaboradores de outras paróquias de São Paulo.

Lançado em outubro de 2009, o site apresenta conteúdos ricos, com temas que visam a valorizar a família e trazê-la para o centro da sociedade. “A proposta do espaço Casa de Família é levar conteúdo familiar, pautado pela fé cristã, a todos que nos visitarem. Queremos por meio dos posts levar formação e estimular o debate familiar”, afirma Marco.

Para melhor delimitar os temas dos conteúdos publicados, o site possui editorias fixas, conforme explica Marco. “Hoje temos cinco temas em atuação: Família & Trabalho, em que falamos sobre o equilíbrio entre essas duas forças; Palavra da Igreja, em que trazemos sempre uma formação sobre o que a Igreja está falando sobre a família; Rezar em Família, sobre a importância da oração em família; Pais + Filhos, em que abordamos as diversas facetas dessa realidade; e Sofá na Sala, sobre entretenimento para a família”.

Se você ainda não conhece o site acesse www.casadefamilia.org.br e divulgue para seus amigos e familiares.

Por Ana Paula Moreira Lima